Postos em Teresina apresentam irregularidades e causam prejuízos aos consumidores

19 dos 51 postos apresentavam irregularidades que prejudicam diretamente o consumidor, sendo que 13 deles com a subtração de combustível.

O Instituto de Metrologia do Estado do Piauí (Imepi) divulgou dados de fiscalizações realizadas em postos de combustíveis e distribuidoras de gás entre os meses de fevereiro e abril de 2021.

Foi constatado que dos 51 postos de combustíveis fiscalizados, em 31 foram encontradas irregularidades.

19 dos 51 postos apresentavam irregularidades que prejudicam diretamente o consumidor, sendo que 13 deles com a subtração de combustível.

Apesar da margem de tolerância ser de 60 ml, em alguns postos foi constatada a subtração de até 170 ml de combustível.

A ação foi realizada em parceria com a Câmara Municipal de Teresina, por meio de um requerimento apresentado pelo Vereador Dudu e subscrito pela vereadora Thanandra Sarapatinhas.

Chama a atenção a quantidade de postos com irregularidades, tendo em vista que foi apenas uma amostra de um total de certa de 380 postos na capital.

Das 27 revendedoras de gás que foram fiscalizadas, quatro foram autuadas por irregularidades.

Os nomes dos postos e distribuidoras de gás não foram divulgados.

Dê sua opinião:

Voltar para o topo