Fios de eletricidade expostos ameaçam pedestres em Piripiri

Perigo iminente sobre as cabeças e corpos das pessoas gera reclamações e críticas a empresas estatais e ao poder público.

Quem caminha por algumas ruas centrais de Piripiri, se não prestar bastante atenção, pode ser atingido por fiação elétrica ou de telefonia na cabeça, nos braços ou pernas. Os riscos existem e foram flagrados pela reportagem do Repórter10.com. Basta circular rapidamente pela Rua Avelino Rezende e seus cruzamentos para se deparar com fios arriados no chão ou desencapados. Os fios estão expostos segundo os moradores desde o dia 4 desse quando a concessionária Equatorial fez o trabalho de reposição de postes e fiação derrubados por uma carreta.

Segundo uma moradora da rua,  “uma cidade como Piripiri não poderia ter uma cena dessa. É uma falta de respeito com quem mora ou passa por aqui ”, reclama. Um outro também não esconde sua insatisfação: "o medo de choque elétrico existe. Faz dias que tem fio caído aqui”, comenta. Por um longo trecho da rua, nas imediações do Parque Curumi os fios estão lá ameaçando e causando insatisfação dos moradores.

Dê sua opinião:

Voltar para o topo